quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Capítulo 33


Yay \õ/ Mais capítulo!
Sem introduções porque esse, é loooooooooongo .-.

Selena on

O final de semana havia sido o máximo da tensão... Ver os Taylors terminarem brutalmente e saber coisas sobre o Joe que nem imaginava... Realmente, UAU! Não há nada pra descrever, porque eu sou uma pessoa de fora a falar. Pena eu tenho do Taylor e da Demi... mas se bem que naquele domingo, consolando a Taylor, eu senti muito por ela também. Certamente ela não pensava que o Taylor a abandonaria... o lado menos ruim disso tudo é que pudemos nos aproximar mais a partir daquela conversa, e hoje, ela pediu que eu ficasse ao seu lado, já que a melhor amiga e a prima não ficariam, de certo. Então, três minutos antes de tocar o sinal pra aula de francês, eu conversava com Nick sobre como foi presenciar tudo isso, ainda tensa, mas muito menos... Admito que falar com ele me relaxa um pouco, assim como olhar em seus olhos e sentir que ele está ao meu lado.
Nick: Meu irmão é um estúpido, a Taylor não é nada exemplar... Mas eu espero que tudo fique bem, porque, acima de tudo, eu gosto deles, e deve estar sendo uma barra agora na cabeça e no coração deles.
Eu: Como o Joe tá lidando com isso?
Nick: Eu sinceramente, estou assustado. Ele chorou de soluçar noite passada e não comeu nada desde que voltou, ontem à tarde...
Eu: Nossa... - cruzei os braços comovida e olhei pro chão - ... Com a Taylor também não foi nada diferente. Ela cismou que era uma desgraça na humanidade, e que a presença dela só estragava o universo, e que nunca fazia nada de certo...
Nick: Ela não errou muito, né? - ele falou, indiferente, e eu o encarei - Foi mau! Mas... o que rolou depois?
Eu: Bom, eu conversei com ela até tranquilizá-la, e falei o óbvio sobre o Taylor. E que se ela quisesse ainda ter algum tipo de contato com ele, que desse tempo ao tempo, que ele é um cara, antes de mais nada, muito justo.
Nick:E você é uma moça antes de mais nada, incrivelmente maravilhosa, e minha! - ele falou, me dando um selinho, me arrancando o primeiro sorriso do dia.
Eu: Somente sua! - sorri mais uns momentos pra ele e ficamos na troca de olhares, até ver a Taylor atravessando o portão de entrada e me mostrar visivelmente surpreendida - Wow! A Tay veio!
Nick: Quem diria... pra ela, que tudo é pretexto pra faltar...
Eu: Nick, deixa de ser insensível. Vamos ver como ela está!
Nick: Sabe que me preocupo mais com a minha ex-cunhada e com o seu ex-namorado do que com a Swift, certo?
Eu: Não custa nada ser humano e também... - fui interrompida por um toque nos ombros, e ao me virar, percebi a Taylor com uma cara inchada e um sorriso murcho no rosto. Ela não estava com seu habitual rímel de todos os dias e seus cachos estavam um tanto quanto desleixados, mas era hipocrisia minha notar sua aparência sabendo pelo que ela estava passando -...Oie!
Tay: Selena, muito obrigada por ontem. Ter ficado perto de mim, falado comigo e se cansado ali, a sua tarde toda... é, impagável a sua bondade!
Eu: Ah, que isso. Sempre tive vontade de ser sua amiga! - sorri pra ela que, simulou corresponder. Nick então fez um som a boca e cara de importante... tava demorando!
Nick: Caham. Bom, como vocês estão realmente interessadas em manter esse bate-papo comigo,  eu agora vou... - o sinal tocou antes que ele pudesse terminar de falar, e logo, nos dirigimos para nossa aula. Por coincidência, a Taylor também faria a mesma aula que a gente, e ao notá-la tão solitária na sala, me afastei do Nick e sentei perto dela.
Eu: Se importa se eu me sentar ao seu lado?
Tay: Não, na verdade... eu agradeço! - ela falou, tímida, e abrindo o caderno, sorriu pra mim mais uma vez.
Eu: Pode almoçar comigo e o Nick hoje...
Tay: Você não vai participar de um daqueles almoços divertidos e amigáveis com a minha prima?
Eu: Posso abrir uma exceção quando quiser, não acha? - pisquei pra ela e ela pareceu mais alegre, o que é bom, pois mesmo que o pedido da Miley tenha sido só por ontem, vou me manter na responsabilidade de monitorar a Taylor e até, ajudá-la a se recompor.

Demi on

Morta. Esfaqueada. Esquartejada. Abandonada próxima ao lixo. Próxima não, dentro do lixo. Assim que eu me sinto nesse momento... Não consegui dormir noite passada. Chorei muito, rasguei fotos minhas e do Joseph com toda a raiva do meu coração, assim como exterminei a maioria de nossas lembranças... Presentes, cartas, CDs, planos escritos... Rasguei tudo. Meu quarto estava uma verdadeira bagunça, e meu notebook estava ligado com a mais depressiva das playlists: Irreplaceable, Bleeding Love, e até Stronger... Isso porque não gosto da Britney, mas meu estado pedia... E, sendo atrapalhada da minha total depressão mental, Miley entra no quarto, e mesmo tentando, não consegui disfarçar meu estado...
Miley: Demi? - ela pulou todas as cartinhas amassadas no chão, e chegou perto da minha cama, onde eu estava.

Eu: O que você quer? - falei, nem um pouco arrogante como intencionava, mas ela sentiu o objetivo.
Miley: Só ver você, minha princesa. Você sabe o quanto me preocupo...
Eu: Sério? Me surpreende você não ter vindo ficar no meu pé como Emily e David, até o fim do dia...
Miley: eu te conheço e sei a forma que você pensa. Minha companhia certamente não seria bem aceita. E a propósito, ficar com o seu primo foi o meu pensamento. - que droga! Ela realmente conhece a gente  também, é tanto tempo de amizade... Por falar em amizade, preciso pensar em uma forma de não encarar a Taylor no meu dia a dia a partir de agora - Demi? Atrapalho seu momento?
Eu: Não, não... Nunca! - me levantei da cama, passei a mão por debaixo de meus olhos e um preto manchado da maquiagem decorou meus dedos, e me direcionei a ela, a abraçando - Você é uma excelente amiga, Miley. Tem todos os defeitos do mundo, irrita, come tudo que eu planejo fazer, mas ainda sim é uma grande parceira que conhece os companheiros muito bem. Você é uma anjinha! - falei, fingindo um sorriso e ela fazia uma cara convencida, enrolando a língua e retribuindo meu abraço em seguida.
Miley: Você que é! E acredite, tudo isso um dia será recompensado. Todo esse sofrimento, que certamente, não vale a sua beleza. - ela nos separou, e começou a mexer no meu cabelo - Demi, você está péssima, sem querer ofender, e sim, tem seus motivos. mas pensa bem... Vai dar esse gosto, o gosto da derrota, pra quem te fez ficar assim?  - suas palavras faziam completo sentido, e com a Miley falando, impossível eu ficar pra baixo - Anda, ajeita seu cabelo, que é maravilhoso. Tira essa maquiagem do rosto e faz outra ... Aliás, deixa que eu te faço outra! - agora anda, vai, vai lavar esse rosto! - ela me empurrou pelas costas para o meu banheiro, e entrando e lavando o rosto calmamente, fui rindo pensando na maneira dela de falar. Miley era uma ótima amiga, na verdade ela era uma grande irmã, e me ajudava muito quando eu precisava... em pensar que eu nem sempre estive tão aí pra ela... Voltei ao quarto enxugando meu rosto na toalha, e ela com o celular em mãos.
Eu: Fazendo o que?
Miley: Mandando sms pra Sel! - ela falou naturalmente, e voltou a digitar. E involuntariamente, eu sorri - Que foi?
Eu: fico feliz que tenham voltado a ser amigas!
Miley: Sim, nossa amizade é incrível. - ela guardou o celular no bolso - Senta aí! - me sentei na beirada da cama, e ela foi em direção ao armário, pegou o estojo de maquiagem, sentou e o pôs sobre o colo, e fechando meus olhos, ela começou a fazer a pintura.
Eu: As vezes tenho ciúmes de vocês, rs...
Miley: Awn, Dems, não precisa ter ciúme! Eu e Selena já fomos melhores amigas sim, mas hoje não é a mesma coisa. Você, por outro lado, é minha irmã, minha melhor amiga, e eu vou estar contigo em qualquer situação, qualquer ocasião, porque isso já passou de rotina, já passou de obrigação, e eu exerço com a maior felicidade da minha vida. Só te ter, e uma dádiva enorme! - ela falou ainda fazendo a maquiagem e me deixando emocionada.
Eu: Sua chata. Vai me fazer estragar a maquiagem, me deixando emocionada...
Miley: ah, não, pelo amor de Deus, a última coisa que eu quero é que você chore, agora! - ela disse em tom divertido e não me fez chorar. Então, com os pensamentos mais a fundo, me lembrei de alguém muito importante e que eu não sabia como estava.
Eu: Miley... e o meu primo, como está?
Miley: Bem... - não ouvi nada além de gemidos sem terminações concretas -... não tem muito o que declarar, mas eu vou procurar entrar em contato com ele hoje!
Eu: Meu coração tem que saber dele! - e do Joe, e da Tay também. Ah, mas que m... - Há alguém em casa, além da gente?
Miley: Não não, sweetie, todos estão no sistema de ensino médio! - O que? Na escola? Peraí, que horas são? E eu perdi aula? Eu nunca perco aula! Ah. não... - Sei que deve estar se martirizando por perder a aula de segunda-feira, já que é uma excelente aluna e tals mas... além de hoje não ter nada demais na escola, eu quero que você venha dar uma volta comigo ao shopping!
Eu: Shopping, Miley? Segunda-feira?
Miley: É! Você precisa aliviar a cabeça. Roupas e calçados lindos, atrações nos corredores, melhores sorvetes e pipocas do mundo ... o shopping é um lugar maravilhoso! - pensando melhor, até que ela tinha um pouco de razão... E eu precisava pensar em algo que não fosse... - ... Prontinho. A maquiagem tá feita. Agora coloca uma roupitcha da hora pra combinar comigo, lindona. Sair com menina feia é que eu não vou! - ela falou posando, e realmente, estava linda.
Fiz o favor de me aprontar também e nem parecia que eu estava tão partida por dentro...
                                               
Miley: Wooow, que gata. Demi, podia ter maneirado no visual. Eu quero que os caras olhem pra mim, também! - Muito palhaça!
Eu: Sua boba. Eles vão olhar!
Miley: Okay agora, vamos logo. Praça de alimentação e boliche nos aguardam! - ela falou, erguendo o braço animada enquanto saíamos do quarto e um pouco em seguida, de casa. Miley me ajudava mesmo, a não manter a cabeça fixa no dia anterior, e eu nem sabia como agradeceria depois...


*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*

Done! Grande esse, né? E nem saiu tão bom, mas eu espero que o próximo venha melhor...
Comentem, anjos *-*
Se cuidem, beeijos ;{*

5 comentários:

  1. nova seguidoora mooo
    curti demais o blogg
    vc tem um jeito bem imprecionante de escrever
    mooo bora afiliar os blogs??
    se aceitar me aviseee
    pleaseee
    www.littlelavignerheart.blogspot.com
    posta mais mo to gostando bastante

    ResponderExcluir
  2. Ammmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmor *00000000000000000000*
    morrida, ta perfeito O_o
    posta mais -'- Demi tão linda u__ú Miley -'-
    parei *-* bom, amei mesmo, ta perfeito, voos escreve perfeito O_O
    tem que postar e não demora hahah ' se caso eu não comentar,
    ou eu estou sem pc ou o comentário não apareceu, isso está
    acontecendo muito comigo '-' o blogger me odeia aff '-'
    enfim \õ/ posta baby. beeeeeeeeeeijos2'

    ResponderExcluir
  3. Adorei o capitulo!
    Tadinha da Demi :(
    Estou para ver o que vai ser dessa saída da Miley com a Demi.
    Posta logo!

    Bisous mon Amie :)

    ResponderExcluir
  4. Continua
    Vc ta tão sumida
    Sinto sua falta lá no meu Blog
    Se puder visita lá e comenta
    Bjs e posta rapido

    ResponderExcluir
  5. Lindo! pobre Demi foi um grande choque para ela.
    Posta logo.

    Beijos.

    ResponderExcluir