sábado, 31 de julho de 2010

Capítulo 8 parte 2

Olá meus amores! Vim postar = )   E muito mal, sei que ninguém merece ficar me ouvindo, melhor dizendo, me lendo mas, eu sofri um acidente , cai da escada do 4 degrau de cima e fui rolando até lá embaixo, parei no jardim, tou toda machucada, tá difícil pra andar, sentar, comer , dormir e até digitar .Minhas unhas quebraram :'( sem frescura! Agora, como eu já era pra ter postado antes, só que não deu, desculpa desapontar, era pra responder mas a dificuldade é muito grande! E o capítulo já foi feito há algum tempinho, botei meu primo pra postar pra mim : P Trabalho infantil #zoazoa   e aí, o capítulo que o Armandinho já havia salvo 3 dias atrás:

Miley on

...Ai não, antes fosse o Taylor, o Nick, o Joe ou… sei lá, qualquer pessoa menos essa! Foi a pior notícia do dia!!!
Eu: e que horas eles vão chegar ?? – eu perguntei amedrontada, enquanto a Demi se virava na minha direção.
Demi: Daqui a pouco, mas não precisa ficar tãããããão louca assim! O David vem junto!
Eu: ótimo, se já não bastasse a Medusa na minha casa, vou ter que ouvir a Emily falando com o David sobre os problemas deles??? – ela me olhou torcendo os lábios e diminuindo o volume de um olho, enquanto eu me jogava desolada no sofá – eu já fiz tanta coisa pra esse dia nunca chegar, eu juuuro…
Demi: Sorry, Moranguinho!
Eu: Sorry? Você me diz sorry? Eu tou prestes a cortar os pulsos e você me diz sorry??? Sem essa de sorry , gata!
Demi: ah, foi mal! – ela começou a olhar pro vazio pensando em alguma coisa – Mas também, isso não é o fim do mundo né?
Eu: Claro que é, o fim do meu mundo!!! – pus a mão no peito após terminar a fala, que cá entre nós foi muitíssima bem dramatizada, é, eu tou levando jeito pra essas coisas… te cuida Shakespeare !!! rsrs… depois de um tempo pensando em coisa nenhuma, a Demi já havia sumido da sala e a Tay houvera acabado de acordar, e completamente inconsciente desceu as escadas.
Tay: Miley…? – ela falou coçando a cabeça e piscando os olhos, ainda com preguiça visivelmente visível… #queredundancia, louca eu, mas, deixa pra lá
Eu: Tay Tay, fala aê Leãozinho, acordou faz quanto tempo? – eu perguntei sorridente sem esperança de uma resposta cautelosa mesmo… já que de uma Taylor sonolenta não se pode esperar nada.
Tay: … hm… acordei agora…– eu sorri pra ela enquanto ela esfregava os olhos – … eu acho! Que horas são Miley?
Eu: Já vão dar 3 horas, por que?
Tay: Cumequié ??? – e, rapidamente, ela abriu seus olhos assustada, falando labialmente 3 horas e fazendo linguagem com os dedos na minha direção pasma.
Eu: Pois é prima ! – então, eu também ergui minha palma da mão e destaquei os três primeiros dedos contando um a um – Um, dois , três! Você sabe contar! – eu bati palma como uma professora infantil perto de um aluno burro… o que não pegou muito bem revendo os atos –…digo, vai lavar esse rosto, nos teremos visita hoje!
Tay: ah é tou sabendo… a Selena e o David certo? – ela tinha que repetir o nome da mocreia??? Bem, só a vi subindo as escadas mas voltando o rosto pro sofá que eu estava sentada – … prima, obrigada! –ela terminou a frase e subiu rápido as escadas, acho que nem ouviu o meu “de nada”… enfim, a Emily desceu as escadas já com uma roupa nova, e sorrindo bastante.
Emily: Oi Miley!
Eu: fala Em! Então, tá bonita! – ela sorriu um pouco encabulada e se sentou no sofá ao meu lado – Vai sair?
Emily: Que nada.… am, por que???
Eu: Rs, ora, achei que você não quisesse ver o David nem tão cedo…
Emily: E o que isso tem a ver?
Eu: Ô… ele tá pra vir aqui!
Emily: Como?? – hum… acho que essa ela não sabia, tá bem chocada… – … peraí, pra que ele vem aqui??
Eu: Se não me engano a Demi tem um trabalho pra fazer com ele… e com a Monsel!
Emily: Monsel?
Eu: é, a Selena! Todo mundo a chama de Sel, e eu de Monsel! Afinal de contas, ela é um monstro mesmo ! – ela me encarou abstrusa , mas eu levei em vão – Da hora né? – eu sorri com a boca aberta pra ela enquanto ela me encarava sem reação… cara, eu deixo as pessoas sem palavras, sensacional… enfim, ela sacudiu a cabeça e piscou os olhos, retomando a fala.
Emily: E, que horas o David e a Selena vão chegar? – após ela dizer isso a campainha tocou… Wow, parece até coincidência , nada engraçado…e depois disso, a Demi foi atender, e com um enorme sorriso ’ … nem acredito que eles vieram… o bom é que eu adoro o David,e o ruim é que… hunf, o ruim é a coisa ruim mesmo…
Demi: oh, entrem! Que bom que vieram! – ela falou os trazendo pra dentro e com a Emily já forçando um sorriso e uma expressão de “bem-vindos” pra eles.
David/ Selena: Boa tarde!
Eu: Boa tarde Dav! – eu falei sem incomodo olhando pra cara deles, e a Selena meio sem jeito, foi abrangida pela Emily e pela Demi… blé, que coisa mais … ah, sem falar que após isso os dois sentaram no sofá… no sofá dá pra acreditar? Meu sofázinho querido, caseiro, e nunca sentado pelo traseiro repugnante da cobra :o
Olha, nada contra o David, nós sempre fomos amigos , agora já a … hunf, eu preciso sair daqui… Wow nem havia reparado, mas como eles tão à vontade na minha casa hein, ó só…
e cadê a Demetria que não vê isso, as visitas são dela, Jesus, tou precisando sair desse ambiente , ou melhor, eu vou sair desse ambiente, e vai ser agora! Eu ia me levantando do sofá, nem sei como não percebi mas, a Emily já nem estava mais na sala, e a Demi, o David e a “Eww” já haviam começado o trabalho…
Eu: Licença gente… – eu falei espaçando o local com as pernas, já que havia tanta gente , melhor dizendo indigente no local…
Demi: Vai aonde?
Eu: a lugar algum!! Qualquer um no momento é melhor do que esse ambiente… – olhei com desdenho pro pessoal, e saí de casa, já podendo respirar um ar sem a Selena – ah… que diferença! – eu disse sorrindo e fechando os olhos levemente, até… er, bem, esbarrar em algo a minha frente, abrindo os olhos rapidamente …
XxX: Miley… – fala sério!Por que comigo?

Tay on

E nossa, quando eu desci as escadas, já havia me deparado com a imagem da Selena, da Demi e do David fazendo o tal trabalho escolar, mas mais pareciam é que eles estavam conversando mesmo… não paravam sequer um segundo de rir… até é claro, me notarem descendo as escadas…
Demi: Oi Tay!
Eu: Ooooiii! – eu disse acenando e terminando de descer as escadas, me pondo perto deles – … diz aew, como tão indo??
David: Belamente! Que nem você, tá uma gracinha!!
Eu: obrigada!! – eu realmente não acho que minha roupa esteja ótima assim, mas o David sempre foi tão amoroso que é banal se esperar elogios dele… por falar em David, onde será que está a Emily?? E, lembrando da Emily, onde está a Miley? –… enfim, cadê a My?
Demi: Saiu faz mais ou menos uns 40 segundos daqui, e ela estava parecendo uma retardada!
Eu: … – nem falei nada, apenas a olhei retorcendo meus lábios… foi da minha prima que ela falou!!! E a propósito, eu não tou sendo a melhor companhia pra eles aqui no local…– …com licença galera, vou a cozinha e já volto!
David: Volta logo!! – ele disse brandindo o braço enquanto eu me virava de costas em direção à cozinha – vocês não acham melhor a gente usar barra colorida??? – eu hein… trabalho com barra, não dá certo, não mesmo… Hey, e olha só a Emily na cozinha, lendo alguma coisa que não me interessa… estou a atrapalhando, melhor sair daqui logo…
Emily: Tay! – ela disse fazendo eu contornar o corpo já virado em direção a sala.
Eu: Pois não?
Emily: Vem cá! – ela fez sinal com a mão me chamando, enquanto eu me achegava na mesa e sentava ao lado dela – eles estão terminando?
Eu: Começaram a escolher a barra agora… eu acho! – ela olhou pro vazio assentindo a cabeça – …por que quer saber?
Emily: ah nada, só curiosidade!
Eu: Devia se juntar a eles! Todos estão bem animados, e acho que você também é, então…
Emily: Ah não! –ela arrazoou já cortando a minha fala.
Eu: Por que?
Emily: O David está lá!
Eu: e o que isso tem? – eu disse sem me tocar quando ela mandou uma olhadinha que já falava por si própria – …ah claro! Por que eu não fui sacar logo?? – eu disse fazendo uma expressão idiota e erguendo os braços em tom de duvida, quando a Emily ria um pouco.
Emily: ah, você não fez por mal! – ela respondeu abaixando os meus braços, e me fazendo calar novamente e me chegar pra mais perto dela pra uma perguntinha.
Eu: mas, ontem, o encontro foi tão ruim assim? – eu disse com a cabeça já meio que deitada na mesa, e com a voz no volume 2.
Emily: Não que tenha sido ruim, é só que… – ela olhou pra baixo murchando o rosto – … eu gosto dele, e achava que ele também , mas pelo jeito… – eu ia abrir a boca pra falar pra Emily só que ela continuou falando – … ontem, ele enrolou, enrolou e não falou nada! Que raiva, às vezes eu pensava que um dia, quando o David crescesse, ia continuar chato e perturbado, mas não foi bem assim…
Eu: Emily!
Emily: Não Taylor! Eu sei que ele não é mais assim! – caraca, ela me interrompeu outra vez… se depois ela reclamar que passou vexame, a culpa não foi minha – … ele mudou muito, e por incrível que pareça, agora eu gosto tanto dele que nem sei a medida exata pra parar de falar!
Eu: Eu sei! – ela me olhou confusa, e eu apontei pra trás sorrindo, o David tava atrás dela muuuito alegrinho rs, tomara que eles progridam, e, novamente, é melhor eu sair do pedaço, deixar os outros mais à vontade, sem que eles percebam…

Taylor on

Meu, foi com Miley que eu esbarrei, também, na própria porta de casa ela começa a andar de olhos fechados, quer o que??
Miley: Taylor, olha, eu sinto muito mesmo se eu machuquei você em alguma região, perdão aí …– ela fez voltinhas com a mão um centímetro longe do meu corpo – … mas agora, eu vou andando! Tenha uma boa tarde! – ela ia seguindo em frente quando eu a puxei pra perto de mim… por que a Miley sempre foge da minha companhia? É sinistro… – que foi?
Eu: Ora, por que não anda comigo? Tem problema com isso?
Miley: Hunf… problema? – ela bufou abanando o ar – … nunca! Por que eu teria problemas com isso?
Eu: Não sei, responde você! Por que tem tanto problema com a minha presença?
Miley: ah… Taylor de onde você tirou isso? – ela olhou pro lado oposto, enquanto eu ainda segurava seus braços – …por favor, que imaginação vasta rapaz! Agora, pode me soltar? – ela disse rapidamente tentando se libertar de mim.
Eu: Am, não! Vem cá, me deixa andar com você! E aí, quem sabe você não me diz porque toda essa implicância macabra comigo! – eu falei sorrindo enquanto ela continuava balançando os braços numa tentativa de sair dali… que chato isso, eu não desejo nada de ruim a Miley, e ela age dessa maneira comigo… magoa…
Miley: Não tem implicância! E agora me larga vai, eu quero discorrer!
Eu: Discorre comigo! – ela ficou olhando pra baixo, e assim permaneceu quando eu comecei a falar – poxa, eu sei que a gente já teve algo no passado e que , isso afeta muito a nossa relação cotidiana…
Miley: e como… – ela disse ainda olhando pra lugar nenhum, mas pelo menos concordando comigo…
Eu: …então, eu não sei como mas, de alguma forma como o passado mudou, não quer dizer que a nossa relação tão sempre amistosa teria que mudar no presente, hum? –eu disse levantando seu queixo, fazendo a olhar pra mim, ainda sem sucesso – …ah vamos Miley, você sabe que eu nunca quis namorar contigo, assim como você também não, e, sempre fomos muito mais pra amigos do que pra namorados, e, podíamos continuar assim não? – ela olhou pra mim , mas permanecendo muito séria – você sabe que eu gosto da Taylor, e você do Nick, então…
Miley: ou, eu não gosto do Nick! – Ela falou me batendo, e com um sorrisinho no rosto…
Eu: ah pára Miley! Não precisa esconder isso de mim… só um idiota não sabe que você é a fim do Nick!
Miley: Ou o próprio Nick! – ela disse se lamentando mas logo retomando a expressão original – …contudo, isso não é um argumento pra gente se falar!
Eu: mas tá funcionando até agora! – eu disse sorrindo e apontando pra ela, que riu baixinho também – … então, aceita meu pedido de retorno, amiga? – eu falei estendendo a mão pra ela enquanto ela esticava o sorriso no rosto e pulava no meu colo – …ah moleque! Minha ex Miley agora é minha amiga Miley!
Miley: É, dá pra gente tentar! – ela falou espanando a saia com a mão e se recompondo.
Eu: Só uma tentativa já está ótima pra mim! – nós fomos rindo e andando, um empurrando o outro com o ombro, pelo menos se eu e a Miley já não somos totalmente íntimos , já tou seguro de ter a amizade dela de volta, depois de tantos anos…
Miley: Então, é verdade que você gosta da Taylor?? – rs, ela tinha que perguntar isso???

*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*
Bem gente, acho que os créditos do capítulo são totally pro Armandinho, eu só escrevi por enquanto a introdução e a despedida bom, eu escrevi o cap. mas quem 'escreveu' na literal foi o Armando!Comentem (embora eu não tenha comentado nenhum comentário ) bisous!!!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Mensagem de Feliz aniversário!

Oi gente! Bem, como eu tou meio preguiçosa hoje eu não vim postar, nem perguntar nem chatear ninguém… bom, tem uma pessoinha sim! Well, como alguns de vocês já devem saber, tem celebridade que tá fazendo níver hoje, mas eu não estou falando do Mick Jagger nem da Sandra Bullock, acontece que a data é da grande e única Paulinha, a minha mais nova amiga, mas já muito especial pra mim!!!

E ela hoje você está completando 13 aninhos de pura felicidade, e pra minha exultação, eu já pude desejar toda a alacridade do mundo pra ela!!!!

E, saca só my gift, espero que gostes :
 
 

Parabéns amg!!! <3
 
 

...E muito mais...



Divirta-se bastante nela!!! ; *



E esse é o meu:



Você merece um mundo Paulinha!!!
Você é uma pessoa espetacular! Sei que isso não é um presente bom de amiga, mas é o máximo da minha criatividade! E eu espero que , você ainda conheça o Nick e, se Deus quiser, quem sabe até role algo?? Rs, agora, de coração: Feliz aniversário!!!!!!!!!!!!

Amo muito  você!!!!!! Parabéns!!!!!!!!!!

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Capítulo 8 parte 1

Hey! Pessoal, quanto tempo hum?? Já tava até esquecendo de postar, e devo pedir desculpa a demora, minha net tava dodói, e o tecnico só veio ontem no entanto, é melhor dispensar as desculpas e ir direto ao point, começando pelos escólios do cap. 7:


Dêeh. ≈ Obg amiga!! Beijos : *

Anônimo ≈ Obrigada… eu também rsrs! Beijos!!

Tay Tay ≈ I love it! Muito obrigada, meeesmo!! Sei… desmaiar, nem causa reação! Rs, valeu, beijos!

Anônimo {#2} ≈ Brigadinha ;** B-bye!!!

New histories ≈ rsrsrs, thank’s! E tipo, desculpa, nem tinha pensado nesse lance de definir bulimia, pelo menos C já sabe o que é agora neah? É, nós tamos bem… e eu acho que não deu pra gente se ver : ( … eu nunk fui em Minas, e cara, Governador Valadares é , muito lindo! Nunca fui, mas os postais de lá dão uma reação tão… enfim, eu moro no Rio ; P E o lance de LA é sério??? Mew, que sorte!!! Se Deus quiser, todos nós chegaremos lá um dia hêhê… e o elogio pro Armandinho, rs… sem comentários, o Daniel (meu amigo) riu mto :S … adorei seu novo blog, posta lá logo okay? E beijos, lembrando que VOCÊ NÃO É CHATA rs… muitos beijos!!!!

Daniel ≈ Daniel… dizer o que?? Sem coment’s rs… foi o comentário mais bizarro que eu já vi… a sorte é que você postou zoando e aqui em casa, portanto, deu pra entender tudo!! Beijos amg!!

Anônimo{#3} ≈ Brigada amor!! Beijos!!!

Anônimo {#4} ≈ Thank’s !!! Bye!

Duncan ≈ Cara, obrigada! Sei disso… sou louca mesmo … e tipo, meu gatinho, lindo, Manda-Chuva o nome dele (ñ ri, eu sou viciada nesse desenho) e nada cara, respondo a vontade!!Beijos, tou postando!

Paulinha ≈ Amiga, adorei seu comentário rs… obrigada, e você tbm é MUITO legal, very very much = D ! E claro am, Niley Forever e Selena Haters rs… de nada, tenho photos novas se quer saber! E obrigada novamente, que loucura hihi! Super, demais!! Amei seu blog! Até comentei lá! Beijos! Bye!

Alyce (nem sei se vc vai ler mas mxm assim respondo) ≈ Amiga, você foi pra mim, uma ótima pessoa, lógico que não foi a única Alyce (com ‘y’) que eu conheci, mas de certo a mais legal e inesquecível! Você fez amizade com o Armandinho, com o Daniel, e comigo… você sempre amou Taylor² e Niley, que nem eu : D e alem de tudo soube ouvir e falar (ouvir principalmente) VOCÊ sempre comentou no blogue, SEMPRE, e olha, eu não sei se a gente vai se conhecer um dia, mas eu tenho certeza, tive muitíssima sorte em falar com você, sem duvida, terá uma vida ótima!! E a ficha ainda não caiu pra mim, se você lera esse blog novamente… é porque como eu te disse: até o Pedro adoraria falar contigo, qualquer um adora! Beijos minha amiga, Alyce Ferreira!!! :’(

E a postagem do recadinhoo:

New Histories ≈ Obrigadíssima amiga! Não por isso, seu blog é perfeito, tem mais é que ser divulgado mesmo! Eu sei que já disse isso aqui em cima mas, muitos beijos pra você!

Daniel ≈ Vlw boy! É, acho que todo mundo sabe a queda, ou melhor o tombo que o Armandinho tem pela Vanessa Hudgens, é amor platônico rsrs… valeu pela força, eu também acho! Beijos!

Anônimo ≈ Agorinha! Beijos!

Tay Tay ≈ Oi de novo! Nossa, atitude inovadora Tay Tay, e pode deixar, ele já tá bem + calminho! Ok! Beijos!

Bebella ≈ Oi amor, toda visita é bem vinda rs! Obrigada cara, você é super 10! Obrigada por seguir o blog, e só pra saber, eu amei seu recado! Beijos,linda!
*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*

Agora o capitulinho (de 'linho' não tem nada mas…) :

Nick on

A Miley me preocupa seriamente, esse lance de ontem foi muito inquietante… quem diria que essa garota, linda, meiga, divertida e feliz, fosse ter algo tão assustador do tipo, bulimia??? Hunf, mas isso não é pior, o pior agora é me focar em ajudá-la, eu não vou, juro que não vou mesmo, deixar ela ter algo tão horrível assim! E se ela se prejudicar com isso? Bom, é melhor eu ir adiantando os meus passos e entrar logo nesse sistema de ensino horroroso que chamam de escola… olha ali a Miley, ta quase morrendo acenando pra eu ver… que coisa mais sinistra…
Miley: bom dia!
Eu: Bom! – ela sorriu abertamente pra eu, sem ter o que falar , e logo abriu a boca – …
Miley: Tenho uma boa notícia!
Eu: espero que seja, então conta! – ela ia abrindo a boca quando o sino tocou pra entrada… – me conta a caminho da sala!
Miley: Tá! – nós fomos subindo as escadas e ela foi falando que resolveu parar de usar a maioria dos purgantes… essa até que é uma boa notícia, e a exagerada da Smiley não foi tão exagerada dessa vez… esse é um grande passo para o tratamento da doença… a gente chegou na porta da sala e viu que todos já estavam em seus devidos lugares, por exceção da Taylor e da Emily.
Eu: ou Miley, cadê suas primas?
Miley: Tavam cansadas demais pra vir pra escola hoje, então ficaram em casa tirando a pestana.
Eu: ah… cansadas de que?
Miley: Vá saber! – ela deu de ombros sentando logo lá atrás bem longe da professora, típico da Miley, e eu me sentava onde fui designado, ou melhor, atrás da Demi.
Demi: Oi Nick!
Eu: Olá! – dei um sorriso forçado pra ela, que retribuiu e logo reabriu a boca…
Demi: Gostou do jantar de ontem?
Eu: Hm… gostei am, não tenho nada a dizer! Você sempre me trata muito bem!
Demi : É… então tá… – ela se virou pra frente, a gente sempre foi tão sem assunto mesmo, que ninguém se ressentiu não… bem, aí o professor entrou e começou a falar… e aí vinha mais uma aula chata…

Emily on

Ai ai, sei que não iria vir, tou cansada demais, mas não pegava bem aluna nova faltar no 2° dia de aula, então resolvi vir e… Olha só, ali o David, não acredito como ontem ele conseguiu me enrolar durante 4 horas somente pra dizer… nada! Meu Deus, eu sou tão idiota, e eu que achava que ele gostava de mim… pelo visto só dou azar na vida… gosto de um cara que chama o Taylor de Romeuzinho e sequer consegue corresponder o que eu sinto… #burra… por falar em Taylor, aí vem ele…
Taylor: Bom dia!
Eu: oi!
Taylor: como vai?
Eu: Bem e você?
Taylor: Bem também… – ele respondeu sem muita prudência olhando pros lados distraidamente, parecia procurar algo, ou alguém – … vem cá Emily, cadê a Taylor? – há há, sabia que por trás dessa educação matinal e completa tinha a Tay no meio da história… acho que o Romeuz… melhor pensando, o Taylor tem uma quedinha pela Tay, ou talvez não mesmo, só eu que sou doida…
Eu: Eu não sei… por que hein? Posso saber? – eu falei erguendo o supercílio num tom animado e enxerido, enquanto ele me encarava rindo com a boca meio aberta.
Taylor: Por enquanto não… mas em breve você saberá ! – sabia! Ele gosta dela, e hunf… não vai demorar nem três dias pra terminar com a Selena pela Taylor… pobre da Sel, mas, que o amor prevaleça…
Taylor: … Emily? – ele disse meio raivoso pra mim –… nem me escutou neh? – realmente, não mesmo!
Eu: Hum… sinto muito Taylor, do que tava falando?
Taylor: Esquece!
Eu: Ah, mas… – ele saiu andando enfurecido na direção da porta, o que me lembrou que eu tenho que estudar… Oh Deus, a aula! Caramba, será que ainda deixam eu entrar? :S …

David on

Nossa senhora, e agora? Como eu vou ter cara pra encarar a Emily depois de ontem, tava tão perto de falar e… congelei! Eu nunca fui assim,nunca mesmo… mas tinha que ser, diante da linda garota que eu gosto, não saber o que falar… e o pior é que com certeza hoje nós vamos nos ver, temos o mesmo horário de aula… parece até aquelas novelas idiotas…
Selena: … E se você falasse que ontem estava com dor de garganta? Ou, que tá treinando mímica?
Eu: É realmente, ótimo que esteja tentando me ajudar Sellyzinha querida…– ela sorriu abertamente– … no entanto essas suas idéias não são as melhores! – eu falei num tom educado, sem querer magoá-la, mas da mesma forma a deixando tristonha… cara, eu adoro a Selena, desde pequenininho ela sempre foi uma das pessoas mais incríveis que eu conheço… mas com certeza não uma das mais inteligentes, não mesmo… e ela dá cada sugestão furada… que às vezes é melhor… – Dav querido… – ela parou em frente a uma sala do 1° andar – tenho química agora, essa é a minha classe!
Eu: Ah claro! – Nós sorrimos enquanto ela desentrelaçava a mão do meu braço , me beijava na bochecha e entrava na sala – até o intervalo! – nós nos acenamos e eu fui andando em frente com medo de esbarrar na Emily ,quando a vejo batendo na porta da aula de biologia, justo a aula que eu teria hoje… eu fui caminhando na direção da sala, e também a da Emily, já estaria quase lá…se não fosse eu sentir algo me puxando pra longe com apenas uma mão… só podia ser ele – Oi Taylor!
Taylor: Oi David!
Eu: Você me salvou! – eu disse sorrindo enquanto caminhávamos na direção oposta a da sala de biologia – peraí cara, a minha aula de agora é a de biologia!
Taylor: Não é mais! Agora você tem inglês!
Eu: Mas hoje não tem inglês pra mim!
Taylor: Mas pra mim tem então pronto! – tá , beleza, iria até perguntar o que rolou pra ele ficar tão bravinho e nervoso, se eu não fosse uma pessoa inteligente e com amor a vida… hunf, por que vá questionar um touro pra levar uma chifrada nas nádegas, ou no caso do Taylor, só um soco na cara mesmo…
Eu: Então, um bom dia?
Taylor: Mais ou menos! David, eu tou ferrado!
Eu: Então somos dois! Mas diz aí ,qual o seu problema? – eu perguntei subindo as escadas, já que a sala de inglês é looonge…
Taylor: eu não vou te falar o meu problema, mas vou te pedir um conselho. Eu posso?
Eu : Claro véi, amigo é pra isso! – eu disse batendo no ombro dele quando ele me olhou com raiva, acho que doeu… mas ele fingiu não dar importância, e continuou falando…
Taylor: O que você faria, se você tivesse numa situação assim, muito complexa e só tivesse uma saída, mas sabe que essa saída ia te deixar muito infeliz, por você causar infelicidade a alguém, e ao mesmo tempo feliz, mas porque você teria encontrando o seu enlêvo da vida? – WTF? Do que esse cara tá falando? Será que ele cheirou?
Eu: Taylor, você bebeu? – ele me olhou abstruso e boquiaberto, balançando a cabeça e piscando os olhos com muita força, respirando fundo e votando a falar… acho que o Taylor apanhou da mãe dele no bumbum, ou então tomou uma bem forte mesmo, que deixou a consciência dele lá na lua e só o mau hálito no corpo… mas acho que isso não… por que ele até que tá com o hálito bom. Do que eu tou falando?? É melhor ouvir ele…
Taylor: Ai, tá beleza eu vou te contar! Olha, nesses últimos dias, eu tenho gostado de uma garota…
Eu: a Taylor né? – falei sem o deixar terminar.
Taylor: É… – ele respondeu lentamente – … mas aí acontece que eu já tenho um lance com outra pessoa …
Eu: Esta é a Selena estou certo? – falei outra vez o interrompendo.
Taylor: Tá! – ele disse bem grosso, olhando fixamente pra mim…
Eu: Coé vai ficar me encarando? Tá achando que eu sou quem? A Selena ou a Taylor? Porque, só pra saber, não tou a fim de ti não cara! – ele suspirou tristemente e voltou a olhar pra mim, que ainda tava meio chateado – … ainda se eu fosse a Miley, mas não , sou um Homem… – eu disse baixo enquanto ele me encarava – quero dizer, continua falando, não vou te interromper dessa vez!
Taylor: …bem, eu já não sei mais o que fazer, digo, por que a Selena, embora chata e perturbada…
Eu: Não fala assim da Sel! – ele me olhou esperando cumprir o trato de não interromper ele – desculpa!
Taylor: Tá tudo bem, mas, ela pode ser tudo de ruim … – e eu sei que ela não é, ele que é galudão e fica vendo defeito nos outros , mas é melhor voltar a prestar atenção … – mas eu sei que a Selena se importa comigo, assim como eu me importo com ela, e não quero que ela sofra se eu terminar com ela… – olha, o monstro tem coração! :O –… já por outro lado, a Taylor é tão linda, com aqueles olhos azuis… – nhé, também tenho dois! “Continua bebezão”, eu pensei, no momento em que ele voltou a falar – aquele sorriso radiante, aqueles cabelos volumosos que se quebram com o vento na aula de educação física.… – ele começou a viajar, seus olhos começaram a brilhar e seu sorriso se transformou quando a professora de inglês esbarrou com a gente ainda perambulando no corredor…
Professora: O que vocês estão fazendo fora de sala há esta hora? – ela disse cruzando os braços com a cara de bruxa que só ela mesmo tinha, nunca vi mais autentica bruxa do que a dona Cremilda… bem, é melhor responder ela…
Eu: estávamos, procurando a sala de inglês linda mestra! – foi o que eu falei num sorriso que com certeza não enganava nem um pombo do centro de Londres, quanto mais a este ser… horroroso que é a minha professora…
Professora; Sei… pois saibam vocês que a classe de inglês fica a dois quilômetros de distancia de onde vocês estão! – ah maneiro, já não faltava o Taylor, agora a maluca da professora também tá bêbada… 2 km?? Qual é, essa mulher não é nada exagerada! – Então, se realmente quiserem passar de ano, é melhor entrar na sala de aula agora!
Eu: Sim senhora! – eu ia andando esperando o Taylor , quando tive que regredir e puxá-lo… acredita que ele ainda tava sonhando com a Taylor? – vambora mané!
Taylor: … aquele jeito de garota bondosa no corpo de uma … – eu agarrei seu braço e rapidamente o joguei dentro da sala, fazendo ele meio que acordar do “sonho” –… hã? Onde a gente tá?
Eu: Na sala de inglês! Senta aí, “gentleman”! – eu falei praticamente sentando ele na cadeira, e me sentando logo atrás dele – essa aula vai ser o lixo! – disse olhando pra baixo, 2° sarcasmo meu… dentro de sala! Tomara que essa aula não dure!

Miley on

Que bom… chegou à hora da saída…e eu passei um horário inteiro dentro da mesma sala que o Nick, até pareceria um sonho, se o bruxo do professor não tivesse marcando em cima a cada segundo que passava… bem, isso não importa, porque , o melhor de tudo é que o Nick me prometeu passar o fim de semana todo comigo =D … er, eu sei que falta tipo uns dois dias pro fim de semana, mas isso é tão maravilhoso que… a Demi e a Emily tão me chamando…here I go…
Eu: Oi gatas! – eu disse sem animação nenhuma, olhando pra cara delas…
Emily: Vamos pra casa Miley! O sinal já tocou, eu tou com fome, e tenho lição de casa…
Eu : Fome, lição de casa… quem liga pra essas coisas hein?
Demi: Você! – ela falou quase confusa – você liga, né? – ela fez um olhar meio aparvalhado pro chão.
Eu: Claro amiga, tava brincando, vamos saindo! – elas saíram da escola sendo empurradas por mim e eu já ia saindo pela porta individual, quando a Demi assobia pra mim – que foi?
Demi: Nós vamos de carro hoje, o meu tá aqui! – hum, não sabia que o carro dela havia sido consertado…
Eu: Não sabia que o seu carro havia sido consertado! – eu falei regredindo ao estacionamento.
Demi: ah não, não é o meu carro! Esse é um dos do pai do Taylor! – ela falou abrindo a porta do carro pra gente.… o carro até que é bonita, uma Bayerische Motoren Werke modelo do E86 importada da Alemanha! O pai do Taylor sempre teve bom gosto, exceto pra ter o filho, rs…
Emily: e você malocou?
Demi: Eu não entenderia como malocar. Titio sempre disse que o que era do Taylor era meu, e foi assim à vida toda, por que com o carro seria diferente?? Alem do que, meu carro tá no conserto!
Eu: E em breve estará no cemitério! – ela e a Emily me olharam como se não tivessem entendido… não sei porque, aquele carro sofreu muito no fim de semana, mas a culpa não foi da Dems, ela é muito responsável com tudo que é dela desde que nasceu, o único erro dela com o automóvel foi emprestá-lo ao primo… é , olhando por um ângulo até que não tá sendo tão errada ela pegar o carro da família Lautner, vai ser divertido isso… – pensando melhor, deixa-me entrar! O carro tem o nome do Taylor… é justo! Freude Am Fahren – eu falei entrando no carro e a Emily logo atrás de mim, a Demi no lugar do motorista pois ela dirigia, como sempre , ela é a única de nós que sabe dirigir perfeitamente… ela ia ligar a marcha quando o Taylor meteu o carão dentro da janela, impedindo ela de pisar no acelerador… apesar de que se ela pisasse e ele estivesse com o rosto dentro da janela, não iríamos perder muita coisa rs…
Demi: oi primo, que faz aqui? – ela perguntou total e completamente ambígua.
Taylor: Ham… Dedê, a Taylor faltou hoje né? – ele perguntou com um sorriso fofíssimo no rosto.… ah qual é Miley , você odeia o Taylor lembra??
Demi: Pois é ela tava com uma dor de cabeça muito forte e resolveu ficar em casa descansando! E fez o certo! – a Demi respondeu tranqüilamente sem olhar pro rosto do primo.
Taylor: Bem, poderia dizer a ela que eu desejo que ela melhore logo e que, eu retiro tudo o que disse na noite de ontem? – ela tava muito bem até ouvir o “eu retiro tudo o que disse na noite de ontem” do Taylor, assim ficando curiosona com o Taylor e o encarando bisbilhoteiramente.
Demi: O que você disse na noite de ontem? – o Taylor riu sem disposição de espírito, e voltou a olhar pra ela, já tirando o rosto de dentro do carro, finalmente já tava na hora…
Taylor: Pode dizer isso a ela, prima? – esse com certeza foi o prima menos grosso que o Taylor já disse a Demi, afinal só a chama assim quando quer algo muito especial… como agora!
Demi: tá, eu vou tentar! – ela disse pondo as mãos no volante – mas não se esqueça que você ainda está com a Selena! – arf, ela tinha que lembrar da Anta Quadrada?
Taylor: Podeixar! –ele disse fazendo sinal de positivo, quando ela finalmente tirou o carro do estacionamento, e o Taylor fez uma cara estranha, acho que notou o carro ser do pai dele hihi… mas quando a gente já tava distraída do real, eu resolvi falar…
Eu: sinceramente… não sei o que minha prima e a Sebenta vêem no Taylor! Um cara tão … tão… sem palavras e… aff, é incrível mesmo… – eu falei distraída pondo um braço apoiado na janela do carro e olhando pra fora…
Demi: só não esquece que você já foi uma dessas garotas que vêem “algo” no Taylor! – não acredito ,de novo essa história não… é tão antiga que eu já tinha até esquecido …
Emily: Pois é My, há alguns anos atrás , pra você o Taylor era o “Mister Perfeição” !
Eu: Oô, mas isso porque a gente namorava! – eu falei abrindo a boca e erguendo os lábios pra ela…
Demi: só é, e, desculpa dizer Miley, mas vocês dois eram um casal bem feinho! Feinho de doer! – ela disse fechando um olho forçadamente… ora bolas, eu acho que ninguém gosta mais de mim mesmo…
Eu: Vamos esquecer disso gente, foi há muito tempo atrás!
Demi: Foi há três anos atrás!
Eu: Pra mim três anos é muito tempo! Águas passadas não movem moinho, pronto e acabou! O Taylor e eu terminamos pois a Selena fez mandinga e conseguiu ficar com ele… – a Demi e a Emily me encararam – … que foi gente? É a verdade, e aí eu pude perceber que amava o Nick… – eu suspirei já viajando, pensando no Nick, ou o sériozinho como o Dav o chama, a gente teve um relacionamento tão curto, mas tão bom…nada mais importava no mundo quando Nick e eu estávamos juntos, fazíamos tanta besteira rs, mas cada besteira única , inevitável e perfeita… daria tudo por aqueles tempos de volta, ah se eu pudesse beijar o Nick como antigamente, ou, ou abraçá-lo, ou apenas simplesmente pular em seu colo toda vez que o via a um metro de distância de mim ou… ou a Demi me atrapalharia, como ela tá fazendo agora… – quê que é?
Demi: Desce do carro, chegamos em casa! –ela disse abrindo a porta pra mim enquanto eu descia do carro… cara, por que é que a Demi estraga toda minha ilusão fofa hein? – Será que você pode ver se sua prima já acordou?Eu vou por o carro na garagem!
Eu: Tá bem… – eu falei meio que sem ligar pra ela e já entrando em casa, a Emily já estava lá dentro obvio, e o que mesmo que a Demi me mandou fazer? Ah é, ver se a Taylor já acordou… que coisa mais idiota, são 2:00 p.m. , ela seria alien se não tivesse acordado, eu pensei subindo as escadas , e também pensei um pouco no meu namorico antigo com o … bem ,cheguei na porta do quarto da Taylor, o violão lindo dela sobre o tapete simples e delicado, e a sua presença maravilhosa estirada na cama, ainda em profundo sono… ela é com certeza a prima mais linda do mundo, o Taylor vai ser um cara de sorte, se realmente conseguir a Tay, o que garanto que pra ele não será tão difícil rs… saí na ponta dos pés pra não acordá-la , e desci as escadas, já encontrando a Demi amaciando as almofadas e espanando o sofá… cara, ela levou a sério mesmo esse lance de que a criada tá velha demais pra trabalhar, e resolveu assumir o posto da dona Lóide, arrumando a casa todo santo dia… – opa gata, essas almofadas tão limpinhas, comprei da ultima vez que fui ao shopping …– em Roma, adicionei mentalmente – … portanto, não é necessário espanar tanto, senão vai perder a qualidade!
Demi: Se ela tiver mesmo qualidade, não vai estragar com uma simples espanada pra tirar o pó, ou os farelos de biscoito que alguém deixa cair sabe? –ela disse olhando imovelmente pra mim.
Eu: Rs, isso não foi uma indireta pra mim não né? – eu disse terminando de descer as escadas e parando na mesa da sala de estar, abrindo um pacotinho de M&M’s e jogando alguns na minha mão pra devorar – até porque , nem faz sentido a senhorita arrumar a casa em pleno dia de semana! Nós nem vamos receber visitas!
Demi: Ah,não sei quem mentiu pra você! Porque hoje nós teremos visita, de novo!
Eu: Nããão, quem? – ela não me respondeu, só continuou espanando os outros objetos da casa –… são o Joe e o Nick de novo? – eu falei toda animadinha, quando ela me deu um sorriso…
Demi: Não ,não são o Joe e o Nick!
Eu : Então quem é? O Taylor? – eu já disse mais desanimada…
Demi: Não ,também não é o Taylor! – ela permaneceu sorrindo, trocando a posição das fotos da estante…
Eu: Então será que dá pra parar de drama e dizer logo quem são as visitas do dia?
Demi: Okay My, por favor, antes de tudo eu quero que você continue sendo essa girl linda e doce que você está sendo no momento em que as visitas chegarem!
Eu: ah meu Deus, Dê, as visitas são… – ela ‘nem me deixou terminar, logo me interrompeu engolindo seco e abrindo a boca.
Demi: São! – essa não! #morri!

*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*
Apreciem, please! E ah , gentew, quem ainda não votou no Tay, na Miley, na Tay ou na Demi no Teen Choice Awards vota por favor!!! E o casal com mais química, sem querer ser muito apelativa mas já sendo, votem em Tay Tay *-* Ah não ser é lógico, que vocês gostem de Miam, bom aí já é diferente!blz ? ;{* Tenham um bom dia! :{D

domingo, 11 de julho de 2010

Divulgação e Recadinho de amor

Bonsoir tres chic! Fala gente, eu vim aqui divulgar um blog novo, da minha amiga, e a estória dela promete! Olha, eu sei que por divulgação ninguém entra nem nada, mas é sério, todo blog new é ótimo, e ela só tem blog perfeito, vocês vão adorar as estórias! Tem os casais que todo mundo ama e eu também ☺


Ah, já ia esquecendo, o URL do blog:
 http://blogsnew-vidadefamosoeumproblema.blogspot.com/
entrem mesmo tá, ninguém se arrepende, e tá tão bonitinha a descrição das personagens <3

♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥

Ah, outra coisa que eu não consigo entender, e já não aguentava mais sem falar: gente, como todo mundo já sabe o Armando é meu primo, e ele tem 8 anos de idade, não é nenhum adolescente e muito menos adulto, e é exatamente essa a razão pela qual eu vim perguntar: se as pessoas que conversam com ele por msn sabem que ele tem essa idade, por que ficam misturando as coisas???

Olha, eu tenho andado essa semana direto no msn dele, pra tentar descobrir a pessoa, que eu não sei quem é, mas que, por ele dizer que gosta do Zac Efron, fica perguntando se ele é gay. Na minha opinião, não tem nada de mais o meu primo admirar o Zac Efron como idolo, ele é uma grande pessoa mesmo, e só alguém muito idiota pra achar que por ele admirar um astro, ele é gay...

Outra coisa também que eu não gostei, foi falarem que ele é drogado por ser apaixonado pela Taylor Swift. Eu não sei se ele brinca com essas palavras, caso ele brinque, por favor entendam que ele fala super sem pensar certas coisas, mas agora, ser apaixonado por uma cantora (que é realmente linda mesmo) não faz dele drogado ou maluco ou, qualquer coisa que diga mal a respeito de alguém... pois se nós fossemos falar algo ruim para alguém, pensem se gostaríamos de ouvir esse mesmo algo... eu acho que não né??

Pois é, desculpa roubar  o tempo de vocês com esse recado, é que pra mim é super estranho utilizarem estes termos e expressões para com o Armandinho, realmente, me deculpem se ele já chamou alguém de gay ou drogado porque, ele não fala essas cosias por mal... quantas vezes ele já chamou a minha BFF de espinhenta?? (eu acho que certas pessoas já sabem rs) então, please, parem com isso!

Ele continua falando normal e finge esquecer, mas a gente repara que de algum jeito, falar sem pensar magoa. Repetindo mais uma vez, não sei quem conversa com o Armando no msn, não sei o que eles conversam, só sei que, se for pra conversar, não utilizem palavras que ofendam! Porque daqui a pouco o blogger será uma coisa perigosa, e até depressiva pra ele!! Muitíssimo obrigada a quem lê e/ou gosta do blog, e também do meu primo! Espero que não levem o recado a mal!

Peace, love, Armando <3

♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥

Nilembranças!!! Beijos da Cathie!!!

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Capítulo 7

Fala gente!!! Tudo boum?? Desculpa a demora, e que se eu contar ninguém acredita mas, as cosias mais malucas acontecem comigo… bem, eu tava de castigo por , er, bem, não vem ao caso rs... só vou responder a vocês lindos *-*

Tay Tay ≈ Oi!!! Nossa, você é muito fofa! E obrigada, s vezes eu penso que , ninguém nem gosta desse blog mas aí, eu logo penso em você rs… e o Armandinho tá podendo hein, com as criticas super generosas das pessoas pra cima dele… daqui a pouco você o verá hêhê… só que no momento ele não pode ser famoso não, ele não tá preparado rs… enfim, obrigada novamente, pode ler que vai entender o Nicky! Pelo menos é o que eu acho … beijos!

Duncan ≈ Hêhê! Cathie’s bad uma virgula ok? Eu só parei nessa parte porque o meu pai havia me mandado sair … e tá tudo bem cara, a Tay Tay e você são boas pessoas, pelo menos é o que parece… obrigadinha, e Pedro, se for esse meu co-gerente e seguidor, é o meu melhor amigo que , por enquanto não está, mas que vai ajudar a reger o blog! Se não for, aí eu já não sei… bem, beijinhos, bye

Anônimo ≈ Obrigada! Valeuuu! O que ela tá fazendo?? Basta ler, rsrs… tou postando, beijoss!!

Dêeh . ≈ Obrigada *---* Beijos!!!

Armando ≈ Fala maluco!! Tou bem… + ou – pra ser sincera… enfim, que bom que você tá virando Niley lover, acho que você sempre foi mesmo neh? Então, te cuida primo! Beijokas!

Daniel ≈ Já tinha reparado que você mudou a photo! Mas esse lance de elogiar com a palavra “pika” não é a minha onda não rs… E valeu, o #Romeuzinho também foi idéia de ultima hora! É neh, pois é, Jemi é muito chatinho… e sem Maria-chuteira, por favoooooooooorrrrrrrrr!!!!!!! Beijos!!!

New histories ≈ Comentário miúdo o seu hein??? Rsrsrs, tou de brincadeira, adoro seus comentários…e esse foi um dos mais legais… Ownt, muito obrigada o seu carinho!!! É muito bom ler o que você escreve… e a forma que você e o Armando se dão bem… se você quiser uma ajuda pra imaginação, saiba que ele é um tanto alto pra idade dele, o cabelo dele é liso, e ele tem uma franja ( sabe, ele tem antecedentes indígenas) e algumas pessoas chegam a falar que ele lembra o Taylor Lautner rs… e onde você mora, porque talvez, quem saiba você já não deve ter visto o Armando, ou até mesmo eu, hihi’ (seria maneiro :*) … e eu acho, pra mim ,que o Armandinho nunca leu sobre The Last Song não, sabe, quando eu chamei ele pra ver no cinema ele não ficou muito interessado, e também não quis fazer a leitura, nem sei porque, mas ele odeia o Liam ( deve ser por ele namorar a Miley) e ao dar seu recado, ele ficou muito feliz!!! Ah, obrigada pelo ultimo elogio, eu, e acho que o meu primo também, não nos esqueceremos de você … obrigada novamente… e lembrei também, adorei o seu blog! A estória é maravilhosa! Parabéns pra vc também! Obrigada mais uma vez, beijos e abraço DOSDOIS!! Rs…

Alyce ≈ Oh amiga, desculpa! Não deu pra continuar, esse daqui vai ser curtinho, mas nada modesto okay? E mew, como c sabe? ( é bulímica a palavra sim, mas leva acento Lol) Aaiiii valeu amr, adorei!! E o Daniel cantando não é engraçado não, é ri-di-cu-lo!!! E o lance de Maria-Cutheira, é uma brincadeirinha de mau gosto de uns “amigos” meus sabe? Que nem deviam ser considerados amigos por isso! E nem ri não, num tem graça… tá bem amiga, lê agora tá? Beijos!

Anônimo {#2} ≈ Valeu!! Adorei seu comentário também… que bom que você gosta de Jemi =) Volte sempre!! Beijos!

Ah, já ia esquecendo, o capítulo:

Miley on

Deus, não, não não não não!!! Ele viu! Caramba! E agora??? Eu tou perdida, nunca achei que alguém fosse descobrir sobre isso e, o Nick vem e vê assim, desse jeito… é triste! Não agüentei vê-lo me encarando sem palavras e com a aparência assustada, e, sem querer perceber, deixei cair uma lágrima…
Nick: Miley…– ele me olhou decepcionado e, engolindo seco, assim como eu – … não , acredito! – own, coitado dele… nunca iria querer que alguém visse isso , muito menos o Nick, logo ele… ah por que???
Eu: Nick… – eu tentava explicar mas, por mim mesma não conseguia sair nada –… Nick eu… –foram às únicas coisas que saíram da minha boca antes de eu começar a prantear.
Nick: Miley… – ele suspirou – … não acredito que você é… é… é… – o momento era de repleta agonia, e só então seus olhos falavam por si próprio ao mesmo tempo em que ele terminava a frase… – bulímica!
Eu: NÃO!!!! – a primeira palavra que saiu da minha boca, pouco antes de eu me atirar no chão chorando e ele se agachar ao meu lado pondo a mão sobre meu ombro – eu não sou bulímica! – eu disse chorando muito enquanto ele me encarava com comiseração – por favor Nick, não deixa que isso me afaste de você, por favor!!! –ele me olhou, novamente com pena e um pouco de tristeza… sempre foi tão altruísta, por que agora seria diferente?
Nick: Calma, eu não vou me afastar de você, nunca foi assim e agora mesmo é que não será! Eu apenas fiquei, impressionado com essa sua, ação! Se você se acalmar podemos conversar! – eu me levantei daquele chão apoiando as mãos na superfície e me dirigindo ao quarto, enquanto ele prosseguia por trás.
Eu: Já acalmei, do que quer conversar? – eu falei fungando e sentando na minha cama.
Nick: Como do que? Miley, o que você estava fazendo? Quando começou a fazer? Por que fez aquilo? – eu olhei pra ele assustada com a quantidade de perguntas, quando ele suspirava abatido e olhava pra baixo – há quanto tempo vem sofrendo bulimia?
Eu: Hm… – por mais difícil que fosse ouvir aquela pergunta, mais difícil ainda seria responder… há quanto tempo eu sou bulímica, que tipo de pergunta é essa? Ele tá achando que eu anoto no calendário ou no smartphone? Até onde eu me lembro só comecei com isso devido às críticas gerais…e agora, o que já era horrível de se fazer em silencio, com alguém sabendo ficou ainda pior – … não que eu tenha o cálculo exato mas, até o meu ponto de reminiscência, já tenho essa mania faz uns 4 ou 5 anos!
Nick: Isso não é mania, isso é doença! – ai, ele falou tão rudemente que me deu medo – Tente entender que eu só estou desse jeito, por que eu gosto de você, e porque me preocupo com você! – Wow! O gato gosta de mim… que sonho!
Eu Sério? Se, preocupa mesmo comigo?
Nick: O bastante pra tentar fazer você se curar dessa enfermidade! – sua feição estava voltada pra mim, e de sério ele ficou muito mais circunspecto , pegando minha mão e me fazendo olhar nos seus olhos – Miley, promete pra mim que vai se livrar dessa doença! Por favor! – ai meu Deus, tão fofo assim eu até poderia beijá-lo… mas não vou, o momento é muito sério e ele está esperando uma resposta.
Eu: eu vou tentar!Mas só por você! – eu sorri esperando correspondência mas ao invés disso o Nick ficou muito sério.
Nick: Não só por mim. Por você, e pela sua saúde! Eu não vou permitir que alguém tenha um costume, sabendo que isso possa atrapalhar a vida dessa pessoa! Ainda mais quando esse alguém é você, uma pessoa que eu gosto e considero tanto!
Eu: Que bom! – falei sorrindo mas logo mudei a expressão – quero dizer, que bom que existe alguém que gosta de mim na Terra!
Nick: Há varias pessoas que gostam de você na face da Terra! Você apenas ainda não percebeu! – foi o que ele falou, pouco antes de levantar da beira da minha cama, e estender a mão para que apoiada a ele, eu conseguisse me levantar – Vem, Vamos descer! A essa hora já devem ter dado falta da gente!
Eu: É! – e, junto a ele saí do quarto e desci as escadas sorrindo,e ao descer encontramos a Demi e o Joe assistindo tevê, no maior breu.
Demi: é, isso aí, não cara, não mata ela animal! Não é ela! É o irmão mais velho! Que idiota! – ela falou cheia de raiva olhando absoluta e positivamente irada pra televisão, no enquanto o Joe ficava se balançando cheio de medo abraçado a um acolchoado encolhido no sofá – Mas que babaca! Matou os 5 acusados inocentes;e o culpado ainda consegue fugir do continente! – ela falou pegando o controle e desligando a teve, em seguida acendendo a luz com o acionador – oi gente!
Eu: Oi! – falei super sem-graça sentando na ponta do sofá e olhando pra eles.
Nick: O que tavam fazendo?
Demi: ah, nada de mais, vendo um filme idiota!
Joe: Idiota? Você chama aquilo de idiota? O maluco é um serial-killer, que matou a gostosa da empregada, mais o coitado do vizinho! Ah, aquele filme pode ser muita coisa, menos idiota! –ele disse jogando o acolchoado pra bem longe e se sentando mais à vontade no sofá, perto do Nick.
Demi: Hunf! – ela bufou olhando pra cima, e retornando a visão pra nós – mas e vocês, o que tavam fazendo?
Joe: É, demoraram bastante!
Eu: Nós… – no momento que eu tava arquejando por uma resposta, a porta abriu e a Taylor entrou, muito mal-humorada… por outro lado, salva pelo gongo, hihi – boa noite Taylor!
Tay: só se for pra você ! – ela falou batendo a porta e entrando no salão, se jogando no sofá e anelando suuuper alto… nada discreta Tay Tay.
Nick: O que aconteceu?
Tay: Nada!
Demi: Nada?
Tay: E eu sou a pessoa mais sortuda do mundo por ter aceitado ensinar espanhol ao Taylor! – ela falou abundantemente raivosa.
Joe: Algo de errado?
Tay: Acho que a pergunta correta é algo de certo!
Demi: Uau! Não imaginava que o Tay fosse tão burro assim!
Tay: e ele não é! Até estava se saindo muito bem pra quem dizem ter nascido sem cérebro! – Isso foi um elogio, rs…
Eu: eEtão…???
Tay: então, ele ficou me perturbando perguntando se era mesmo dele quem você tava falando quando se referiu ao primo da Demi que eu gostava! Então, muito obrigada Moranguinho! –ela falou alçando os braços e os rebatendo contra o sofá .
Joe: Mas agora, tá tudo bem neah?
Tay: Claro, se não levar em conta que a próxima pessoa que me fizer uma pergunta idiota vai apanhar até morrer, eu tou ótima! – ela sorriu pungente pra ele… nossa, essa até deu medo.
Demi: Janta?
Tay: Seria uma boa! –ela disse sorrindo e apontando quando a Demi já estava se levantando e se dirigindo a cozinha –e aí? Como vão vocês gracinhas?
Nick: Bem… – ele respondeu com um pouco de temor, olhando pro meu rosto – … e, em qual capítulo de espanhol você e o Taylor tão?
Tay: Capitulo zero!
Joe; rs, nem sabia que esse existia! –ele falou rindo muito e apontando pra Taylor.
Tay: Pois é, nem eu! – ela retrucou completamente assisada…cara, a Tay tá bravinha hein… mas espero que toda essa culpa não seja minha, porque pra idiotice, o Taylor é 1000, mas eu nunca o vi arrasar alguém como a Taylor tá agora, acho que ela ainda tá chateada pelo que aconteceu hoje de manhã, mas meu, eu já pedi desculpas… e se isso não resolver, eu realmente não faço idéia do que fazer pra me redimir… poxa, já ia parando de pensar quando me dei conta no silencio geral da sala.
Eu: Falem alguma coisa gente! Valeu? –eu falei mancando eles, o Nick e a Taylor estavam pouquíssimo manifestados, mas o meu amigo todo entusiasmado logo levantou a cabeça do sofá com cara de quem tinha necessidade de falar.
Joe: Ah, ah, eu tenho uma novidade!
Eu: Isso garoto! Qual é? – ele se distanciou mais um pouco da costa do sofá e olhou pra Taylor… peraí, pra Taylor?? Que será que ele vai falar?
Joe: Tay Tay, bem tem um cara que gosta de você! – hunf, olha só a novidade… essa é mais velha que a minha avó… aposto como que ninguém vai nem dar atenção…
Tay: Sério? Quem? – ela falou, num tom nem tão empolgado nem tão curioso, misto…
Joe: Ora, um cara! Não sabe quem?
Tay: Hum… – ela parou olhando pro vazio por uns instantes –… não! Quem? – caraca, eu não acredito que ela não saiba quem gosta dela, essa é tão fácil, se caísse na prova com certeza eu acertava…até o Nick soltou uma risadinha discreta… também, que mole a Taylor tá dando!!!
Joe: Pow! Você tem certeza de que não sabe?
Tay: Absoluta! Fala quem é!
Joe: Poxa vida Tay, achei que você fosse mais inteligente… – ele olhou pra baixo, balançando a cabeça num tom de reprovação.
Nick: Até eu achava que ela fosse… – ele disse também se fingindo de triste…
Tay: Ah gente, que isso, falem aí, dêem uma pista!
Eu: OMG! Leãozinho, eu não acredito que você não consiga saber!
Tay: Você sabe quem é My?
Eu: Lógico, não sou boba nem nada! Eu falei sem dar muita prudência pra ela no quando ela já estava no auge da curiosidade…
Tay: Não é justo! Por favor, pelo menos uma dica!
Joe: Por que, tá interessada em saber?
Tay: Não!
Joe: Não! – rs, ele disse tentando imitar a voz dela, mas só que saiu mais um poucochinho agudo.
Tay: eu só sou curiosa! –ela discorreu dando de ombros.
Joe: Beleza, eu vou te dar uma dica! –ele falou já animando mais um pouco ela. – ele é … um cara!
Tay: Ah, disso eu sei! –ela falou desapontada – até porque não ia me interessar se fosse uma mulher!
Joe: assumiu que tá interessada! –ele falou apontando pra Taylor, que já tava tristonha no canto dela – tá bem, vou te falar como ele é! – foi o que ele falou antes de deixar a coitada mais curanhosa – saca só, ele tem: 2 olhos, 1 nariz, 1 boca, 2 ouvidos e 2 sobrancelhas! – rsrs, coitada da Tay, o Joe é tão mau… mas que tá sendo engraçado assistir isso tá! Ô se tá!
Eu: Prima, não acredito que você não saiba quem é!
Joe: é pow! Entrou em casa falando no maluco, e agora já não sabe! Não sabe?
Tay: Hm… é o Nick? – pff, tá bom… o Nick! Acho que devia assinar um certificado dizendo “Minha prima é uma burralda”! Que isso,de onde ela tirou o Nick??
Nick: eu? – coitadinho ,ele falou muito distraído da situação.
Joe: Tá legal, o Nick, o Nick, o Nick?? Você entrou em casa falando do Nick pro algum acaso da vida Taylor?? –ele disse muito estourado da paciência – Faça-me um favor Taylor!
Eu: é, e olha que ela ainda gosta do Taylor, e dá esse vacilo! – ups, eu soltei! Agora a Taylor vai matar…
Tay: Quem é ? – meu Deus, não acredito que ela não saiba ainda! Que tapada!
Joe: a-Miley-acabou-de-falar-cara! Dá licencinha aqui, porque eu… hunf, não quero nem desperdiçar palavras, tinha que ser loira mesmo! – ele disse enfurecido levantando do sofá, no momento em que a Demi ia entrando …
Demi: Aonde vai amor?
Joe: embora! Não quero nem papo com a sua finest loira e burra aí! –ele disse apontando pra Taylor com desprezo.
Demi: Own, já vai ? Acho que é tchau então!
Joe: Tchau! Me leva até a porta!
Demi: tá! – eles saíram da visão dos outros, ou melhor, da minha ,e só ficamos eu , a Taylor e o Nick na sala.
Eu: Então…
Nick: Acho que já tá na minha hora também! Vamos lá Miley?
Eu: Não acredito que precise que eu abra a porta pra você! – eu falei zoando a coisa mais fofa que me olhava, em seguida me levantando e indo, junto a ele , em direção a porta dos fundos.
Tay: Peraí, vocês não vão me falar quem é o cara? – cara, não acredito que ela ainda teja entalada nisso – então vou dormir mesmo!
Nick: O que há com a sua prima?
Eu: Deixa ela , tá apaixonada! Assim como eu! – eu disse sorrindo e me apoiando na porta, sem me dar conta da besteira que acabei de falar… droga!
Nick: O que disse?
Eu: am, nada! Boa noite!
Nick: Ótima! Digamos que até um tanto divertida!
Eu: é, hêhê! – nós rimos um pouco até ficar sem assunto – …então…
Nick: Até amanhã Smiley!
Eu: Até! - Nós sorrimos da mesma forma, e de costas ele foi acenando pra mim e andando pelo gramado, enquanto eu apoiava a cabeça na armação da porta e suspirava… puxa, como eu era feliz quando namorava o Nick… por que tudo tem que acabar assim?
Demi:MMMMMMMIIIIIIIIIIIIILLLLLLLLLLLLLLLLLLEEEEEEEEEEEEEEEEEEEYYYYYYYYYYYYY!!!!! – ou assim?? Com a chata da Demi gritando o meu nome, na certa deve ter achado o saco de biscoito que eu escondi abaixo da foto da mãe… droga!
Eu: Já vou! – eu berrei voltando pra sala, e encontrando a Demi com a cara enfurecida e segurando o pacote de biscoitos que eu sabia que ela tinha achado… Miley 1 X 0 destino!!!
Demi: Dá pra me dizer o que é isso?
Eu: O que é isso? Ora Demetria, um pacote de biscoitos vazio e que, a propósito , já era pra estar no lixo!
Demi: ah mas…
Eu: eu jogo pra você! – eu me aproximei dela, peguei o pacote de sua mão e , antes de subir as escadas, o joguei no lixo : P… a Demi ficou de boca aberta pasmada… mas eu tenho que melhorar meus hábitos… pois como disse o Nick, pelo meu próprio bem e ainda mais, por ele mesmo… somente uma coisa estragou o meu momento sonhador cândido … uma imensa e intrigante anfibologia de onde poderia estar a Lily agora… e uma anfibologia ainda maior por eu ter pensado com a palavra anfibologia… de onde foi que eu tirei essa?? Ai, é melhor dormir mesmo… já tou me perdendo nos próprios pensamentos… cruz-credo!!!!!

*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*
Perdoem ele tar pequeno, mas é que eu tou cheinha de dor de cabeça, briguei com a minha BFF, e ainda por cima tenho que estudar pra 7 provas pra fazer amanhã!!!! #pirei! Mas, comentem se quiserem, beijinhos!!!